Destino Nacional

Melhores comidas mineiras [2023]

Não há uma vez que negar que viajar é uma das melhores experiências que existem, não é mesmo? No entanto, trata-se de alguma coisa que vai muito além do que exclusivamente saber os pontos turísticos. Também envolve entender um pouco da cultura e tradição do sítio.

E, falando sério, não há coisa melhor do que aprender tudo isso comendo, não é mesmo? Isso se torna ainda mais verdade quando o tema são as comidas mineiras! Enfim de contas, podemos até considerar uma vez que se fosse um ponto turístico à segmento.

Além de serem muito gostosas, é através da comida que a gente consegue entender um pouco da história e dos costumes locais. Minas tem uma gastronomia riquíssima, alguns muito próprios e outros compartilhados com outros estados. E é sobre eles que iremos falar a seguir!

O que leste item aborda:

Esse é um grande clássico da gastronomia mineira, mas que não são todos que se agradam, em peculiar por conta do quiabo, que tem um sabor muito peculiar. Porém, ir para Minas sem provar o frango com quiabo é uma experiência incompleta!

Mesmo porque esse é um prato que faz muito sucesso em todo o estado. Inclusive, há quem diga que o frango industrializado perde a origem e o sabor da receita original. Devido ao veste de o quiabo ser de origem africana, acredita-se que ele foi trazido ao Brasil pelos escravos.

melhor comida mineira Melhores comidas mineiras” class=”img-responsive ” sizes=”(max-width: 1280px) 100vw, 1280px” srcset=”https://viagemecura.com.br/wp-content/uploads/2022/08/mineira-food-g1d3adbbae_1280.jpg 1280w, https://viagemecura.com.br/wp-content/uploads/2022/08/mineira-food-g1d3adbbae_1280-300×169.jpg 300w, https://viagemecura.com.br/wp-content/uploads/2022/08/mineira-food-g1d3adbbae_1280-1024×576.jpg 1024w, https://viagemecura.com.br/wp-content/uploads/2022/08/mineira-food-g1d3adbbae_1280-768×432.jpg 768w, https://viagemecura.com.br/wp-content/uploads/2022/08/mineira-food-g1d3adbbae_1280-880×495.jpg 880w, https://viagemecura.com.br/wp-content/uploads/2022/08/mineira-food-g1d3adbbae_1280-100×56.jpg 100w, https://viagemecura.com.br/wp-content/uploads/2022/08/mineira-food-g1d3adbbae_1280-306×172.jpg 306w, https://viagemecura.com.br/wp-content/uploads/2022/08/mineira-food-g1d3adbbae_1280-636×358.jpg 636w, https://viagemecura.com.br/wp-content/uploads/2022/08/mineira-food-g1d3adbbae_1280-616×347.jpg 616w, https://viagemecura.com.br/wp-content/uploads/2022/08/mineira-food-g1d3adbbae_1280-416×234.jpg 416w, https://viagemecura.com.br/wp-content/uploads/2022/08/mineira-food-g1d3adbbae_1280-356×200.jpg 356w, https://viagemecura.com.br/wp-content/uploads/2022/08/mineira-food-g1d3adbbae_1280-730×411.jpg 730w, https://viagemecura.com.br/wp-content/uploads/2022/08/mineira-food-g1d3adbbae_1280-528×297.jpg 528w, https://viagemecura.com.br/wp-content/uploads/2022/08/mineira-food-g1d3adbbae_1280-449×253.jpg 449w, https://viagemecura.com.br/wp-content/uploads/2022/08/mineira-food-g1d3adbbae_1280-317×178.jpg 317w, https://viagemecura.com.br/wp-content/uploads/2022/08/mineira-food-g1d3adbbae_1280-150×84.jpg 150w”>

Pin It”>Melhores comidas mineiras” class=”pin-it-button” count-layout=”nivelado”>Pin It

Tutu

Esse é um outro prato muito geral entre os mineiros. Em suma, zero mais é do que o feijoeiro cozido, temperado, derrotado e misturado com farinha de milho ou de mandioca. Por conta disso, ele deve ter uma consistência mais pastosa.

Também é uma das melhores comidas mineiras que você não pode deixar de testar e que, geralmente, é servido em travessa ou panela de ferro. Demais, ele pode ser decorado com bacon, torresmo ou ovos cozidos.

Bambá de couve

Trata-se de um caldo à base de fubá, o qual tem origem em Ouro Preto, também remetendo ao período da escravidão. De contrato com os dados, os escravos aproveitavam o mingau de fubá que restava da Morada Grande e incrementavam com algumas partes de músculos que lhes eram dadas.

Por isso, na grande maioria das vezes o caldo tinha pé, ouvido e couve rasgada. No entanto, hoje em dia é muito geral utilizar linguiça uma vez que substância, sendo também uma das melhores comidas mineiras.

Feijoeiro tropeiro

Essa é uma outra legado oriunda da era colonial. Esse prato teve origem dos tropeiros (daí vem o nome), que misturavam músculos, ovos e farinha ao feijoeiro. Dessa forma, tornava o prato mais “pesado”, ideal para se fomentar nas suas viagens, que costumavam ser muito longas.

É uma das melhores comidas mineiras, não é à toa que você pode encontrar em qualquer restaurante. A renome e tradição é tanta que no Mineirão, quando ele foi reaberto, a Vigilância Sanitária mandou retirar alguns ingredientes, por razões de segurança.

No entanto, as reclamações foram tantas que a Vigilância teve de se adequar a essa tradição. Isso só para entender o poder da gastronomia sítio.

Ora-pro-nobis

A ora-pro-nobis é, na verdade, uma hortaliça muito geral na culinária mineira. Seu nome provém do latim e significa “orai por nós”. De todos os pratos, o mais clássico é o frango com ora-pro-nobis, o qual é um cozido de frango caipira com a hortaliça.

Para entender a dimensão e influência desse substância, em Sabará há, todos os anos, o Festival de ora-pro-nobis, onde tem diversos pratos com esse substância.

Frango ao molho pardo

Esse é um prato em que a penosa deve ser cozida no próprio sangue. Na versão tradicional, deve-se derrubar a penosa cortando seu pescoço e deixar o sangue escorrer para uma vasilha. Feito isso, é necessário colocar vinagre no sangue para ele não coagular.

É com isso que se deve fazer o caldo do frango, que se labareda molho pardo. Em relação a penosa, ele é muito muito temperado também, mas o grande destaque é o molho pardo.

Leitão a pururuca

Para quem não sabe, pururuca é a pele frita do porco. E, nesse prato, o porco deve ser assado com a pele. Mas, depois de pronto, deve-se passar gelo na superfície do leitão para, em seguida, jogar óleo muito quente.

Caso seja necessário, repete-se o processo até que ele crie algumas bolhas. Há alguns que usam maçarico nessa segmento. Deu para entender por que essa é uma das melhores comidas mineiras, né?

Sem dúvidas Minas Gerais é um fado incrível para uma viagem a dois. Quer saber mais sobre as cidades em MG para os casais apaixonados? Leia o post 7 Cidades românticas em Minas Gerais.

Vaca atolada

Outro clássico da culinária mineira. Zero mais é do que a músculos bovina cozida com mandioca. Na grande maioria das vezes, utiliza-se a costela, mas pode variar de contrato com o restaurante ou do sabor que você quer oferecer ao prato.

Em relação a sua origem, também remonta ao período colonial. No entanto, acredita-se que esse prato era feito cozinhando costela e gordura, que eram as partes que não se aproveitavam do boi.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo